NÓS EXISTIMOS PARA TORNAR SUA VIDA MELHOR!

Blog

SEU COMPANHEIRO FAZ DE TUDO PARA QUE VOCÊ NÃO DIRIJA?

Atualizado: Jul 9


img_dirigir_treinamentoparahabilitado
Companheiro que incentiva

Acabe com seus traumas e mostre que você é capaz de estar também

no trânsito.


Até poucos anos atrás as mulheres eram proibidas de dirigir na Arábia Saudita, país conhecido pelas leis rigorosas. Foram muitas as barreiras enfrentadas para conquistar o direito de se locomover, inclusive, chegaram a dizer que dirigir poderia prejudicar os ovários...


Aqui no Brasil as mulheres podem dirigir desde 1932, quando a primeira mulher a tirar a CNH (Carteira Nacional de Habilitação) foi Rosa Helena Schorling, em Vitória, Espírito Santo. Mas ainda hoje, apesar de ter se passado tanto tempo as condutoras ainda enfrentam preconceitos semelhantes aos das mulheres lá do Oriente Médio.


Quem nunca ouviu por aí ‘’ mulher no volante, perigo constante?’’ ou ‘’ mulher só saber estragar o carro, são todas barbeiras’’, mesmo com as pesquisas indicando que as mulheres são mais cuidadosas que os homens no trânsito, possuindo o menor índice de acidentes.

São por esses preconceitos somados a hiper proteção de seus companheiros que muitas mulheres deixam sua CNH na gaveta com medo de dirigir. É muito comum encontrar pessoas nessa situação, traumatizadas por escutarem berros de seus maridos ao volante de ‘’ vai bater’’, ‘’ você não viu o poste?’’, ‘’ olha a guia, é cega?’’, ‘’ cuidado o buraco, vai estragar o carro’’....

Por incrível que pareça os insultos são muitos, tornando o prazer em dirigir em um perfeito inferno. Porém, se dirigir é sinônimo de liberdade, não vale a pena arriscar? Costumamos dizer que a prática leva a perfeição, a insegurança só é vencida se você mostrar que é capaz. Então se o seu companheiro possui receio com a sua forma de dirigir tente fazer com que ele acredite em seu potencial.


Se a primeira mulher a dirigir lá em 1932 conseguiu, você também pode. Nessas horas o treinamento para habilitados pode ajudar em muito a recuperar a auto confiança; a orientação correta e a motivação fazem a diferença. Trabalhar o psicológico também é ideal, lembre-se de que acidentes podem acontecer com homens, mulheres, experientes ou não.

Veículos são bens materiais que podem ser consertados, para isso também existem seguros. Não deixe que o seu companheiro tire a sua liberdade, afinal mulheres ao volante, autonomia e independência constante. ;)


125 visualizações